A importância do networking e por que fazê-lo

A importância do networking e por que fazê-lo

Group Of AsianBusiness people with casual suit working and brainstorming with happy action for online shopping with omni channel in the modern Office, people business group concept

Não estamos sozinhos no mundo. Se quisermos ter sucesso, temos que aprender a nos conectar com quem está ao nosso redor. É nessa hora que o networking aparece como uma ferramenta importante na vida do empreendedor.

Networking é a formação da sua rede de contatos. Quando você está iniciando um novo projeto, toda ajuda é bem-vinda. É importante lembrar das pessoas que estão ao seu redor e como você pode buscar ajuda com cada uma delas.

A importância do networking e por que fazê-lo

A importância do networking e por que fazê-lo

Mas nem sempre os contatos que já temos são suficientes para dar aquele help que precisamos ao longo da jornada empreendedora. Temos que sair da nossa caixinha e abrir os braços para o mundo.

Por que fazer networking?

Por que fazer networking?

Por que fazer networking?

Como já comentei aqui no blog, não existe mais essa história de “gênio solitário”. A sua rede de contatos precisa se expandir para que você possa aprender a transformar suas conexões em algo proveitoso para o seu negócio. Isso é verdade tanto na formação de uma equipe de sucesso quanto para fazer sua ideia dar certo.

Pode ser que você tenha um conhecido que seja advogado e possa te auxiliar a pensar nos primeiros detalhes dos contratos, ou um amigo contador que possa te dar as dicas de como abrir a empresa. Mas não confunda as coisas: não estou falando de se aproveitar das habilidades dos amigos para conseguir as coisas de graça.

A sua rede de contatos é um meio para te ajudar a acelerar os processos, fechar parcerias e compartilhar experiências. Para realmente fazer sentido, o networking precisa ser uma via de mão dupla, onde você busca por soluções mas também coloca à disposição dos seus contatos aquilo que você pode oferecer.

Como fazer networking?

connection concept by people icon on chicago city

Não tem nenhum segredo sobre como fazer novas conexões, mas o que muita gente acaba esquecendo é gerenciar os contatos. É preciso começar dando uma conferida naqueles contatos que você já tem, falar sobre seu negócio com amigos de trabalho e pessoais. Pode acontecer de algum amigo precisar do seu serviço e não saber que você tem a solução que ele precisa. Fale do seu negócio com todos e procure saber em que projetos eles também estão envolvidos.

Uma boa forma de gerenciar seu networking é seguindo 3 passos:

  1. Verificar os contatos que você já tem: quem já faz parte da sua lista de contatos e que pode ser um bom canal para trocar experiências e oportunidades? Pode ser desde parentes e amigos até professores, ex-chefes, colegas de trabalho… ou seja, aquelas pessoas que você já tem um acesso e que podem se tornar bons parceiros.
  2. Identificar oportunidades: nessa primeira olhada nos contatos que você já tem, pode ser que você perceba algumas pontes que faltam. Um contato que possa de ajudar com fornecedores ou quem sabe alguém que te auxilie em alguma questão de finanças. Sabendo do que você precisa, fica mais fácil de correr atrás.
  3. Buscar formas fazer novas conexões: para isso, não tem outro jeito – você vai ter que sair da sua zona de conforto e correr atrás! Uma boa dica é buscar por eventos em coworkings. Esses espaços reúnem pessoas de várias áreas diferentes e sempre rola um evento de conexão, um happy hour, um café ou algo assim. Pode ser um bom canal para você começar!

O cartão de visita

O cartão de visita

O cartão de visita

Quem quer fazer networking não pode esquecer dessa peça-chave! Tudo bem que hoje existem muitas formas de se conectar com as pessoas: LinkedIn, WhatsApp e as infinitas redes sociais. Mas o bom e velho cartão de visita ainda faz toda a diferença quando você conhece novas pessoas, principalmente em eventos.

Além de ser prático, você ainda pode deixar seu cartão de visita com a sua cara, o que pode fazer sua presença mais impactante. Por exemplo, conheci uma pessoa que trabalha com móveis e seu cartão de visita era feito de uma chapa de MDF com as informações gravadas, achei genial! Quanto mais impactante, mais fácil de ser lembrado e isso faz muita diferença!

Sua rede de contatos é uma das coisas mais valiosas que você pode cultivar. Você já começou a organizar essa área da sua vida empreendedora? Conte para mim nos comentários a sua experiência com networking!

Para saber muito mais sobre o assunto, confira um artigo lá no blog do leadlovers que te dá as melhores dicas para aumentar o alcance do seu negócio com networking.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *