6 dicas para fazer seu marketing pessoal nas redes sociais

6 dicas para fazer seu marketing pessoal nas redes sociais

Desenvolva a sua marca pessoal

O marketing pessoal tem sido fundamental na minha carreira para buscar objetivos e conquistar espaço. Da mesma maneira que tem me ajudado, o marketing pessoal nas redes sociais é fundamental para qualquer profissional que deseja agregar valor ao próprio trabalho, sendo também essencial para empreendedores que querem consolidar espaço para o negócio.

Quer conquistar a autoridade profissional que almeja por meio do marketing pessoal? Então confira as 6 dicas que separei para te ajudar. Mas, antes disso, vamos ver por que é importante promover seu trabalho online!

O marketing pessoal é essencial

A importância do marketing pessoal

A importância do marketing pessoal

Atualmente, as mídias sociais não são apenas um canal de entretenimento — muitas empresas conferem os perfis dos candidatos a uma entrevista de emprego antes de finalizarem uma contratação, por exemplo. Para além da postura profissional e ética, também é necessário pensar na sua promoção enquanto profissional nestes meios.

Em algumas áreas, pessoas se tornam as grandes referências devido à atuação nas redes sociais, conquistando milhares de seguidores e se tornando uma fonte confiável naquele tema. No caso dos empreendedores, essa postura é ainda mais fundamental, pois o cliente poderá conhecer o perfil profissional e desenvolver uma relação de confiança antes da compra.

Os benefícios do marketing pessoal

O marketing pessoal permite que, independentemente de ser um empreendedor ou não, o profissional crie uma vasta rede de contatos que pode ser imprescindível em diversos momentos. O profissional que se consolida como uma referência e mostra toda sua capacidade de engajamento nas redes sociais já tem uma parte da carreira profissional alavancada.

As vantagens do marketing pessoal

Os benefícios do marketing pessoal

Como fazer marketing pessoal nas redes sociais

Confira o que você deve fazer para aproveitar plenamente os benefícios profissionais possíveis com um marketing pessoal bem planejado e executado:

1. Defina seus objetivos

Cada mídia social — como Facebook, Twitter, Instagram e LinkedIn — tem características próprias, mas os objetivos podem ser traçados transversalmente. Saiba, por exemplo, que público você quer atingir e para quê. Uma opção é detalhar as metas, por exemplo, em número de novos seguidores em determinado intervalo de tempo.

2. Demonstre conhecimento no tema

Para se tornar uma autoridade, você precisa conhecer muito bem sobre um tema específico — pode ser marketing, educação, futebol etc. É fundamental publicar conteúdos que informem e empoderem o público.

3. Engaje seus seguidores

Criar relacionamento com os seguidores é essencial no marketing pessoal de sucesso. Responda todas as dúvidas postadas na página, convide para eventos, questione e pergunte opiniões e saiba receber positivamente as críticas. A humildade em lidar com os usuários permite uma maior aproximação e identificação.

Como construir o marketing pessoal nas redes sociais

Desenvolva o seu marketing pessoal nas redes sociais

4. Compartilhe elementos profissionais do dia a dia

Além de notícias e conteúdos informativos, devemos lembrar que muitas pessoas querem se informar na rede social, mas de uma forma prazerosa. Quando possível, compartilhe fotos e vídeos participando de eventos relevantes, com outras referências da área, preparando um lançamento etc.

5. Mantenha as publicações com periodicidade

O marketing pessoal só é possível se for mantido constantemente, publicações excessivamente espaçadas, sem nenhuma regularidade ou identidade visual podem desengajar os seguidores e prejudicar a estratégia.

6. Tenha conteúdo próprio

A produção de conteúdos próprios, preferencialmente em um site pessoal ou blog, é fundamental para mostrar para o seguidor que você tem know how suficiente sobre o tema. Aproveite esse recurso para engajar mais seus seguidores, independentemente da mídia social usada. Dicas exclusivas, baseadas em sua experiência, são muito valorizadas entre os usuários.

Para iniciar uma estratégia de marketing pessoal, escolha as mídias sociais que mais se adequem ao seu objetivo e comece a alimentá-las. Lembre-se que redes sociais diferentes exigem tipos de conteúdos distintos, portanto, é necessário adequar as postagens.

Utilize as redes sociais para o seu marketing pessoal

Como usar as redes sociais para o marketing pessoal

Como usar as redes sociais para o marketing pessoal

Descubra agora o que você pode fazer nas redes sociais para engajar mais ainda o marketing pessoal.

Tire fotos e compartilhe-as diariamente no Instagram

A rede social mais ativamente envolvente hoje é Instagram. É o lugar mais fácil para compartilhar suas histórias pessoais, através de imagens espontâneas que contam uma história de quem você é, pelo que você está apaixonado e como você gasta seu tempo.

A chave para usar Instagram eficazmente está ao seguir pessoas e marcas que lhe interessam e fazendo um esforço para comentar regularmente nas fotos para obter a sua atenção e construir um relacionamento mutuamente benéfico.

  • Seja criativo com histórias visuais usando aplicativos de design visual populares para criar uma aparência distinta para suas imagens;
  • Use hashtags relevantes para que seu conteúdo seja descoberto pelas pessoas certas que estarão interessadas o suficiente em seu conteúdo para segui-lo;

Crie uma página do Facebook para sua marca digital

Estou assumindo que você já tem uma conta no Facebook. Você provavelmente quer separar sua conta pessoal de seu feed de conteúdo relacionado ao site, então eu recomendo fazer uma página personalizada do Facebook. Você pode configurar uma em 10 minutos e, em seguida, convidar todos os seus amigos e colegas que vão estar interessados.

Uma página do Facebook é realmente importante se você quiser construir um marketing pessoal e vender seus produtos ou serviços, porque o Facebook dá-lhe muitas opções baratas de publicidade para definir as pessoas certas e aumentar o seu público muito mais rápido.

  • Escolha um tópico ou área de especialização que está intimamente ligado e o valor que você pode oferecer aos outros com suas habilidades e conhecimentos;
  • Compartilhe regularmente o seu próprio conteúdo a partir do seu blog e de outros sites que o inspirem;
Compartilhe vídeos para o seu marketing pessoal

Compartilhe seus vídeos no YouTube ou no Snapchat

Compartilhe seus vídeos no YouTube ou no Snapchat

Se você preferir criar blogs de vídeo divertidos a escrever conteúdo, o YouTube e o Snapchat oferecem incríveis plataformas onde você pode atingir seu público.

  • Saiba como fazer vídeos de qualidade com bons ângulos de áudio, iluminação e câmera;
  • Siga ativamente outros blogueiros de vídeo no Snapchat e no YouTube e interaja com eles;
  • Grave screencasts, vídeos informativos e vídeos nos bastidores para mostrar seu talento e experiência;

Interaja com os influenciadores de mídia social no Twitter

Se você quiser chamar a atenção de alguém nas mídias sociais, o Twitter é o melhor lugar para fazê-lo. É também uma excelente ferramenta de descoberta de conteúdo onde você pode iniciar ou participar de conversas em torno de tópicos e artigos que se relacionem a seu posicionamento.

  • Crie listas segmentadas no Twitter de pessoas interessantes que você deseja seguir;
  • Regularmente dê retweet nessas pessoas e deixe-as saber que você gosta de seu conteúdo;
  • Quando responderem a você, inicie uma conversa sobre os tópicos que compartilham regularmente;
Utilize o marketing pessoal

O que não fazer com o marketing pessoal?

O que não fazer com o marketing pessoal?

Agora que você já sabe o que é, quais os benefícios e como usar o marketing pessoal, está na hora de saber quais práticas devem ser evitadas! Confira:

Não dê like no seu próprio post!

Claro que você gosta do seu post. Você postou isso! Mas não “curta” o seu próprio material. Incentive seus contatos a compartilhar e dar like no material postado. Inclusive, seus funcionários podem ser os maiores embaixadores de sua marca.

Não negligencie seus perfis

Use sua mídia social! Ter uma página no Facebook ou uma conta no Twitter não é suficiente. Você tem que manter suas contas atualizadas para que haja engajamento, publicações e acesso. Fique online e presente!

Não compartilhe demais

Tenha cuidado com as coisas que você compartilha. Por exemplo, se você está lançando um produto e publica um post de dicas ou imagens muito cedo, ele poderia destruir o restante do lançamento do produto, para o qual outros trabalharam duro.

Se conecte para promover o seu marketing pessoal

No Marketing Pessoal o importante não é se conectar com todos, mas sim com as pessoas certas

Não se conecte com todos

Só porque alguém segue você, não significa que você tem que segui-lo de volta. Pense nisso como se fosse escolher quem deve estar à sua volta. Antes de seguir, pense em como refletirá em você. É este alguém que iria representá-lo e seu negócio em uma boa maneira se os consumidores virem que você estava associado com ele?

Não se esqueça da network

Assim como você faria na vida real, sempre trabalhe para fazer conexões e crescer sua marca por meio de network e construção de relacionamentos de qualidade em mídias sociais. Se a impressão que você causa é boa o suficiente, pode ser interessante trabalhar no marketing pessoal.

Não se esqueça das configurações de privacidade

Você as utiliza em seus perfis pessoais, então faça o mesmo com o seu negócio. Lembre-se: depois de compartilhar algo na internet, essa postagem não simplesmente desaparece. Claro, você pode excluir o post, mas screenshots vivem para sempre.

Cuidar de configurações de privacidade também inclui proteger suas senhas. Escolha uma que seja extremamente segura e as forneça somente a alguns. Você não quer que suas contas sociais caiam em mãos erradas!

Marketing pessoal sem spam

Evite fazer Spam para o bem do seu marketing pessoal

Não faça spam

Apenas não faça isso! Ninguém gosta de spam, seja via e-mail ou mídia social. Se você está constantemente postando a mesma informação mais e mais, ou inundando seus seguidores, corre o risco de se tornar um incômodo e pode perder alguns dos seguidores que você trabalhou tão duro para atrair.

Não ignore comentários

É vital para se envolver com seus clientes. Se você não tiver compromisso em dar respostas, eles podem sentir que você não se preocupa com a pergunta, comentário ou reclamação. Ou seja, tudo volta a se tratar da importância de um bom serviço ao cliente. Não ignore comentários relevantes. Use-os como uma oportunidade para interagir com seus seguidores e mostrar-lhes como você lida com situações positivas e negativas.

Não exclua comentários negativos

Reconhecer o problema pode não só fazer de um cliente chateado alguém satisfeito, mas também pode impedir a empresa de um problema mais tarde. Endereçar comentários negativos mostra que sua empresa é proativa na resolução de problemas e que você pretende servir seus clientes.

Marketing pessoal sem automação

Não confie na automação

Não confie na automação

Você perde o toque pessoal com os clientes e soa como um computador quando está falando com eles. Humanize sua marca para tornar a experiência de engajamento para o cliente mais agradável.

Não compre likes

Há algumas maneiras de conseguir curtidas e seguidores, mas é preciso ter cuidado. A compra de curtidas para aumentar a sua contagem de fãs e likes é uma tática que deve ser evitada. Eles acrescentam muito pouco à sua comunidade, uma vez que não serão tão envolvidos como verdadeiros fãs de sua marca.

Os fãs reais estão mais dispostos a divulgar a notoriedade da marca, bem como se tornarem seus defensores. Pagar por likes pode parecer uma ótima ideia para aumentar o número de fãs, mas pode acabar por ser prejudicial para a sua marca.

Não criar conteúdo original

Você quer se posicionar como uma figura de autoridade em sua indústria, bem como envolver seu público, mas não pode fazer isso repensando o trabalho dos outros. Isso não quer dizer que você não pode compartilhar infográficos relevantes, vídeos ou artigos que já foram criados. Significa apenas que você deve criar conteúdo original que vai atrair o seu público-alvo específico.

Quando for capaz de equilibrar o seu conteúdo original com o dos outros, você vai melhorar o tráfego, atrair novos visitantes e continuar a estabelecer-se como um líder da indústria!

Pensando em investir no seu marketing pessoal de agora em diante? Confira um conteúdo que produzi sobre como ter um blog de sucesso e comece hoje mesmo o pé direito!

E se você curtiu o post sobre marketing pessoal, então compartilhe nas redes sociais!

Post atualizado dia 06/12/2016

[et_bloom_inline optin_id=”optin_34″]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *